O som que nasce de todas as coisas

Brasileiro cria músicas com a captação de áudios e vídeos dos ambientes em projeto premiado

Existe a arte que vem do insight, de uma ideia formidável, e também a orgânica, que nasce, cresce e se reproduz através do contato do artista com os cenários ao seu redor. Assim é o Projeto Beats, concebido pelo diretor de cena e publicitário Jarbas Agnelli.

Basicamente ele escolhe um ambiente e extrai dele diversas imagens, som e ruídos, captando áudio e vídeo aos mesmo tempo, além de manusear objetos, tocando neles com baquetas, ou simplesmente deixando uma cena acontecer sem interferências.

Desse compilado de sensações, a música vai nascendo naturalmente no processo de edição, seja através de gritos de alegria, o choro de momentos de tristeza, as pancadas de chuva ou as estridentes buzinas do caótico trânsito da cidade. Nas palavras do artista, música e vídeos “nascem gêmeos” no processo.

A série criada por Jarbas será composta por dez vídeos musicais. Três episódios já foram gerados até o momento: Ranch Beats, Kitchen Beats e Street Beats. O primeiro deles foi aceito em vários festivais de curtas internacionais, ganhando alguns deles em categorias como “Vídeo Experimental” e “Edição”, e foi recentemente projetado na abertura do TED oficial, em Vancouver, Canadá.

O trabalho é uma extensão de outros projetos musicais de Jarbas, como Birds on the Wires, ganhador do Youtube Play Guggenheim e tema do TEDxSP, e Cars on the Lanes, parte de outro projeto maior ainda em fase de testes.

Antes de iniciar sua carreira como diretor, Jarbas trabalhou como diretor de arte em algumas das principais agências brasileiras. Por 13 anos, criou campanhas ao lado de Washington Olivetto, ganhando os principais prêmios da publicidade nacional e internacional. Seu trabalho para a revista Época, “A Semana”, é considerado um marco na publicidade brasileira, arrebatando para o Brasil, além de um Leão de Ouro, o único Grand Prix de filme no Clio.

Deixe um comentário. (Os comentários não representam a opinião da Revista Olhar São Paulo. A responsabilidade é do autor da mensagem)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: